Noticias
Medidas simples podem prevenir danos causados por temporais

Medidas simples podem prevenir danos causados por temporais

Pancadas de chuva e trovoadas são situações comuns nesta época do ano. Transtornos e incidentes para a população e situações causadas pelos temporais podem ser prevenidas ou minimizadas com medidas simples.


"Os agentes e voluntários de defesa civil se mantêm em alerta para o atendimento de ocorrências, como destelhamentos, pontos de alagamento, quedas de muro, árvores e placas entre outras situações", informa o chefe de operações da Defesa Civil de Curitiba, supervisor José Augusto Grubba. Ele lembra que os agentes também são preparados para facilitar a comunicação, a mobilidade e o acesso a recursos emergenciais, como lonas, lanternas, coletes, entre outros e que esses profissionais trabalham sempre identificados.


"A população pode facilitar muito o trabalho da Defesa Civil se adotar medidas básicas e hábitos preventivos nessa época do ano", diz o chefe de operações. "É clássico chamar a atenção para a proibição e perigos de se banhar nos lagos e cavas dos rios, bem como para o cuidado de se abrigar para se proteger de raios quando começa a chover e o mesmo vale para a circulação de veículos diante de ventos fortes, raios e granizo", alerta.


Veja alguns cuidados que podem ser tomados em situações corriqueiras:


- Atenção para a verificação e limpeza de ralos, caixas de captação, calhas e o recolhimento temporário do lixo colocado para coleta. É importante prevenir entupimentos e facilitar o escoamento das águas da chuva.

- Em áreas sujeitas a alagamento, deve-se evitar o contato com águas acumuladas e lavar com hipoclorito (água sanitária) todos os itens que tiverem contato com essas águas.

- Para quem está dirigindo na hora de um temporal, utilizar preferencialmente as faixas centrais e, caso seja necessário, na falta de visibilidade ou de uma parada brusca, deve-se acionar sempre o sinal de alerta.

- Ao sair de casa ou mesmo nela, durante temporal, é importante ter o cuidado de fechar portas e outras entradas de vento e observar o comportamento de árvores, placas, bem como outros objetos e estruturas que possam ser arrastados pelo vento.

- É importante portar sempre documentos de identificação, medicamentos e objetos de uso pessoal.



Os telefones para acionamento da Defesa Civil de Curitiba são o 156, 153 e 199.
O Corpo de Bombeiros também pode ser acionado através do 193.


Capacitações

Em um evento adverso a possibilidade de alguém sofrer alguma queda, escorregar ou se machucar é muito grande. Para isso precisamos de pessoas capacitadas para atender àquele que necessitar de ajuda.


Estabelecer os requisitos para a elaboração, manutenção e revisão de um plano de emergência contra incêndio, visa proteger a vida, o meio ambiente e o patrimônio.



Telefones
© 2009 - Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil - COMPDEC
Rua Capitão Souza Franco, 13 - Bairro: Batel - CEP: 80.730-420
defesacivil@curitiba.pr.gov.br
Curitiba - Paraná