Noticias
Em evento on-line, Defesa Civil reúne representantes de hospitais para debater gestão de risco

Em evento on-line, Defesa Civil reúne representantes de hospitais para debater gestão de risco

Referência nos sistemas de integração em prol da prevenção de desastres, a Defesa Civil de Curitiba promoveu na tarde desta terça-feira (1/6) uma reunião virtual com integrantes do Plano de Auxílio Mútuo (PAM) dos Hospitais de Curitiba. Iniciativa inédita no Brasil, desde 2019, o PAM busca o preparo dos hospitais da capital para prestação de auxílio mútuo rápido e eficaz em casos de situações de emergência que extrapolem a capacidade de atendimento individual.


A criação do grupo, em um momento anterior à pandemia de covid-19, foi destacada pelo secretário municipal de Defesa Social e Trânsito, Péricles de Matos, que abriu o evento juntamente com o coordenador da Defesa Civil no município, Nelson Ribeiro.


“Passamos hoje por um dos momentos mais importantes de todo esse processo, de gestão e gerenciamento de crise, atentos à disponibilidade de leitos e a capacidade de pronta-resposta à sociedade”, destacou o secretário.


“Nossa Defesa Civil é extremamente dinâmica e atuante e somos parceiros em toda a ação que visa mitigar o dano e a colaborar com a qualidade de vida do nosso cidadão, principalmente em momentos em que nossa sociedade e administração pública podem ser afetados por eventos dessa natureza”, complementou ele.


Com palestras sobre gestão de risco, a transmissão on-line também foi momento de recapitular as ações conjuntas desenvolvidas entre Defesa Civil e os hospitais durante o enfrentamento da covid-19. “Desde o primeiro momento a existência dessa rede, construída previamente, auxiliou a todos. Eram dúvidas sobre máscaras, como obtê-las, montagem de barracas complementares a um primeiro atendimento aos pacientes e troca constante de informações”, relembrou o coordenador da Defesa Civil.


Cidade resiliente

O Plano de Auxílio Mútuo (PAM) dos Hospitais é um projeto pioneiro em pluralizar as ações de proteção, exemplo de solução para o desenvolvimento de cidades resilientes, inteligentes e sustentáveis.


“É importante que cada um faça sua parte, mas será que cada um fazendo apenas a sua parte basta? Precisamos que seja feita de uma forma integrada”, reforça a diretora do Programa Cidade Resiliente, Inteligente e Sustentável, Patrícia Sottoriva.


Além de apresentar as propostas do PAM, a palestrante mostrou um panorama mundial e nacional sobre as ações de redução de vítimas em desastres ambientais. Também evidenciou os atuais objetivos apresentados pela Organização das Nações Unidas (ONU) para a eficácia do sistema de cooperação.


Sistema nacional

O diretor do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), Armin Augusto Braun, apresentou um projeto nacional para a sistematização dos trabalhos de prevenção, mitigação, preparação, resposta e recuperação em situações de emergência.


A proposta, em tramitação, é de que cada eixo de ações tenha a atuação de vários órgãos públicos e privados. O sistema visa criar uma rede de entidades que se expanda do âmbito federal ao municipal.


Além de traçar estratégias de evolução dos trabalhos atuais com parceiros e soluções inteligentes, o diretor do Departamento de Defesa Civil de Campinas, Sidnei Furtado, pontuou a necessidade de se analisar as atividades internacionais de Proteção e Defesa Civil.


Lançamento de publicação

Como forma de englobar informações importantes para o preparo em situações emergenciais, o PAM-Hospitais lançou, durante o evento virtual, uma revista virtual gratuita, distribuída entre os participantes do plano. Com edições trienais, a revista terá a colaboração dos hospitais parceiros na produção de conteúdos, com o objetivo de promover as ações entre entidades.


Instituições interessadas em integrar o PAM dos Hospitais podem entrar em contato com a Defesa Civil pelo email defesacivil@smds.curitiba.pr.gov.br.


Capacitações

Em um evento adverso a possibilidade de alguém sofrer alguma queda, escorregar ou se machucar é muito grande. Para isso precisamos de pessoas capacitadas para atender àquele que necessitar de ajuda.


Estabelecer os requisitos para a elaboração, manutenção e revisão de um plano de emergência contra incêndio, visa proteger a vida, o meio ambiente e o patrimônio.



Telefones
© 2009 - Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil - COMPDEC
Rua Capitão Souza Franco, 13 - Bairro: Batel - CEP: 80.730-420
defesacivil@curitiba.pr.gov.br
Curitiba - Paraná